Category Archives: Coimbra

Vinhetas do Centenário da Sebenta 1899

O Centenário da Sebenta de 1899 foi ideia de “um grupo de estudantes da Universidade de Coimbra, que, com bastante humor e ousadia, decidiu orquestrar o seu próprio centenário para caricaturar a impressionante onda de centenários promovidos pelo Regime Monárquico no final do século passado”, segundo o site da Secção Filatélica da AAC.

Neste evento, e segundo a mesma fonte, é “possível identificar o esboço de alguns dos elementos da actual Queima das Fitas, como é o caso do cortejo e do sarau académico”.

Não faltaram as vinhetas que, pela mesma ordem de ideias, podemos considerar precursoras das vinhetas da Queima das Fitas.

Conheço o mesmo motivo em azul e violeta. Existe noutras cores?

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Coimbra, Vinhetas (Erinofilia)

Vinhetas da Queima das Fitas de Coimbra

As vinhetas são “pequenos pedaços de papel com a configuração de um selo (chegando, em certos casos, a confundir-se com ele)”, emitidos por “entidades oficiais ou particulares com o fim de angariar fundos para qualquer objectivo (de beneficiência, por exemplo) ou ainda de propaganda”, segundo João José Alves Dias in Manual de Filatelia, Lisboa, ed Filatelia Numismática/CTT, [1981], p. 104.

A Queima das Fitas, sob a forma que hoje possui, só parece ter surgido em Coimbra a partir de 1919,  segundo o site da Secção Filatélica da Associação Académica de Coimbra. Contudo, o site oficial do evento apresenta uma interessante colecção de cartazes que só se inicia em 1926.  As vinhetas da Queima, que pelo menos desde 2000 reproduzem os cartazes, o que nem sempre aconteceu no passado, só são por nós conhecidas desde os anos 40 do século XX. A colecção que aqui mostramos, e que tem ainda muitas lacunas, inicia-se só em 1951.

vinheta de 1951 obliterada, vinheta de 1955 (imp. Lito Coimbra), vinheta de 1957 (imp. Lito of Artistas Reunidos - Porto) e vinheta de 1958.vinheta de 1951 obliterada, vinheta de 1955 (imp. Lito Coimbra), vinheta de 1957 (imp. Lito of Artistas Reunidos – Porto) e vinheta de 1958.

Carta com vinheta de 1957 circulada a 12 de Junho desse ano de Leiria para o Uruguai. Marca de chegada a Montevideo no verso, data ilegível.


vinheta de 1959 em tira de três, não denteadas entre si (imp. Lito of Artistas Reunidos – Porto), e vinheta de 1960 em tira de dois.

vinheta de 1964 (imp. Lito of Artistas Reunidos – Porto) e vinheta de 1965.

vinheta de 1969, não obliterada, utilizada como ilustração do sobrescrito comemorativo editado pela Secção Filatélica da Associação Académica de Coimbra, com carimbo comemorativo do evento de 09 de Maio.

vinhetas de 2000, 2001, 2002 e 2003.

vinhetas de 2004, 2005, 2006 e 2007.

vinhetas de 2008, o primeiro exemplar denteado nas quatro margens e o segundo não denteado nas margens esquerda e inferior (canto de folha).

vinheta de 2008 obliterada em carta enviada da Curia a 20.05.2008.

vinheta de 2009.

vinheta de 2009 obliterada em carta registada de Coimbra com carimbo comemorativo do evento de 04 de Maio.

Agradeço aos amigos Leandro Monteiro, Pedro Pinto e José Cura, do fórum Selos Postais, que me ajudaram de forma decisiva a alargar e a actualizar esta pequena colecção, que está longe de estar completa.

Deixe um comentário

Filed under Coimbra, Vinhetas (Erinofilia)